2008/08/15

Cops On Bikes @ Av. Brasil, Lisboa

Estava no outro dia a sair do trabalho para ir almoçar e que vi eu no cruzamento da Avenida do Brasil com a Avenida de Roma?



Sim, ali no canto inferior direito. Estão 2 polícias a fazer o patrulhamento em bicicleta.

Pontos negativos:
  1. Aqueles carros que estão no canto inferior esquerdo estavam claramente a violar a imposição do sinal de "Estacionamento e Paragem proibidos" e lá continuaram incólumes;
  2. Os senhores agentes estavam a andar de bicicleta no passeio sem necessidade nenhuma e violando as regras do código da estrada (se alguma vez tiver de me desviar para o passeio e me quiserem multar, acho que vou usar esta foto).
Pontos positivos:
  1. É sempre bom ver alguém a andar de bicicleta na cidade. Se o exemplo começar a vir de cima e das forças da autoridade, mais pessoas vão começar a andar de bicicleta também;
  2. Poupa-se em gastos de combustível, que por sua vez poupa dinheiro aos contribuintes;
  3. Poupa-se o ambiente.
No geral acho que os pontos positivos superam os negativos. Mas se puderem corrigir aquilo que apontei, ainda será melhor.

5 comentários:

mojzinha disse...

epá, a mim parece-me que um deles parou para dar uma mija e o outro está encostado ao poste à espera ; )

José disse...

LOL!

Pode parecer isso, mas posso assegurar que estavam os dois em cima das bicicletas e não havia nenhum líquido amarelo no sítio onde pararam.

Anónimo disse...

Pois é, só vê-mos aquilo quere-mos mesmo ver.
Em relação aos pontos negativos que apontou e que pretende ver corrigidos talvez nada tenham de anormal.

1º- O sinal que refere, se reparar bem, por baixo tem uma placa de "excepção", que a avaliar pelo local será cargas e descargas, logo como vê o primeiro é um veículo de mercadorias e os outros não é possível ver se são comerciais ou não, sendo que para a manobra de cargas e descargas não é necessáriamente obrigatório ser efectuada com veículo comercial.

2º- Em relação ao local onde os polícias estão parados com as bicicletas, sendo um cruzamento, ponto importante para patrulha/vigilância, é natural que não vão parar no meio da estrada, mas tudo bem.

Será mais produtivo se usar a sua sabedoria para inovar do que para criticar quem dá o seu melhor no dia a dia que ninguém atropele os seus direitos, cidadã desta cidade, onde os valores da educação e bom trato há já muito tempo foram esquecidos, e acredite que o Policia o faz na maioria das vezes com sacrificio da sua vida pessoal e familiar.

Não ajude a tornar ridicula a figura do Policia.

Para si um bem haja.
Vgarcia

José disse...

Obrigado, caro Vgarcia, pelo seu comentário.

Creia que a minha intenção não era somente criticar, mas sim (e principalmente) enaltecer o facto de as forças de autoridade usarem a bicicleta na sua actividade de patrulhamento e vigilância.

Olhando agora para o artigo, vejo que falhei claramente esse objectivo, e por isso peço desculpa.

Em relação ao primeiro ponto negativo só o referi porque, se há coisa que me irrite é estacionarem em sítios proibidos, em segunda fila, em cima do passeio. Não me vou alongar muito nesta explicação porque estou a pensar escrever um artigo sobre esta atitude das pessoas. Quando isso é acompanhado pela impunidade perante as forças policiais (aquele sítio em particular tem sempre carros estacionados e só por uma feliz coincidência é que havia lá um veículo comercial) então isso tira-me do sério.

Em relação ao segundo ponto, não gosto de ver ciclistas em cima dos passeios, sejam eles polícias ou não. O lugar das bicicletas é na estrada, apesar de quando lá circulamos haverem sempre alguns chicos-espertos que nos gritem: "Vai para o passeio, palhaço!".

Por fim, só uma pequena nota. Como eu disse no fim do artigo "acho que os pontos positivos superam os negativos".

Obrigado novamente pelo seu comentário e continue a visitar este blog.

Cantoneiro de Alvalade disse...

The Offspring: «...na-na, why don't you get a blog(job)?..»