2009/04/18

Reset

Tenho andado com vontade de fazer um reset ao meu lado cibernético (mas que raio quer ele dizer com isto? Eu explico já!).

Sendo que a minha presença na Internet já vem de longe (1994~1995) desde lá para cá que foram proliferando os e-mails, os registos em sites e fóruns, as passwords para áreas protegidas, os blogs, as páginas, as contas de messaging (IRC incluído), os álbuns fotográficos partilhados com amigos e família.

Há coisas que já não utilizo há anos, mas no entanto continuam activas.

Se estivessemos a falar das tralhas que vamos acumulando em casa (livros, revistas, filmes, fotos, cartas, móveis, etc) a resolução era simples: Dá-se uma limpeza e faz-se uma escolha. O que for para ficar, fica. O que não for, reciclagem ou lixeira.

Quando estamos a falar de coisas como o registo num site, ou um e-mail (ou as outras que referi antes) penso que também podemos adoptar uma postura parecida. E é isso que vou fazer. Listar todos os sítios onde me registei, todas as páginas, sites e blogs que tenho por aí e começar a fazer uma escolha. Talvez fazer uma páginazinha onde terei um índice daquilo que sobreviver: Sites sociais -> 1, 2, 3; Endereços de e-mail -> 4, 5. Isso logo decidirei.

Mas parece-me que neste momento da minha vida cibernética, esta purga só vai fazer bem.
Em vez de sentir que estou a pairar sobre a Internet, acho que vou sentir que a minha presença na mesma está bem definida e contida.

Se por acaso não perceberam aquilo que estou a tentar explicar, não se preocupem: Provavelmente sou eu que com o sono que tenho (e já passando largamente a hora de ir dormir) não estou a conseguir passar a mensagem.

6 comentários:

MP disse...

Como nao percebi o teor da mensagem registei-me e subscrevi um feed do teu blog

JORGE disse...

Eu também já pensei nisso...até porque penso que todas essas inscrições e registos deixam um rasto que nunca mais poderá ser apagado. Acho que por muito que tentemos pagar registos e inscrições, os nossos dados irão circular pela net para sempre.

Anónimo disse...

Estou a ver que a dieta também está a chegar ao teu ciber-eu.

A ideia é boa: se é de sono ou não, veremos, mas como um comentário anterior ao meu refere, isto de apagar rastos neste mundo é difícil. Podes eliminá-los do teu índice, mas dificilmente os apagarás... digo eu (que não percebo nada do que estou para aqui a dizer :-) ).

Um abraço,

Emigras

José disse...

Emigras,

o meu objectivo principal é eliminá-lo do meu índice. Se puder apagar as contas, melhor.

Outro abraço,

PaulaPan disse...

percebida a mensagem sim...
tb tenho tanto de mim por ai espalhado neste mundo cibernetico... mas por enquanto ainda n ganhei a tua coragem =)

depilação disse...

É bem verdade, a informação vai-se acumulando.. mas já é menos mal. No tempo do IRC em que se pagavam os impulsos telefónicos era uma desgraça a conta no final do mês :)

Sofia